Sua marca pode ser cancelada na internet?

Nas últimas semanas, a sertaneja Marília Mendonça foi assunto nas redes sociais e na impressa por conta de seu cancelamento na internet. Na ocasião, na transmissão de sua live, no dia 08 de agosto, a cantora fez uma brincadeira com um integrante da sua banda sobre ele ter se relacionado com uma mulher trans. O fato repercutiu negativamente na madrugada de segunda-feira, dia 10. Diante de várias manifestações contrárias à postura da cantora, os internautas declararam o cancelamento da artista.

Sua marca corre risco de ser cancelada?

O primeiro parágrafo desta matéria pode parecer um pouco distante da realidade de uma marca, mas a verdade é que este é um exemplo recente de como essa onda de engajamento nas redes sociais, em prol de corrigir posturas inadequadas, é poderosa. Vale lembrar que “Marília Mendonça”, é uma marca comercial da pessoa física da artista. Junto a essa marca, estão tantas outras que associam sua imagem à artista. Ao ser cancelada, muitos internautas podem se voltar justamente às marcas que apoiam a cantora. Já imaginou o impacto que isso pode gerar?

O cancelamento de marcas não é algo inédito. Isso já aconteceu algumas vezes por conta de posicionamentos considerados controversos de algumas empresas. Um dos casos mais recentes aconteceu em maio deste ano e a vítima da vez foi a Osklen. A grife foi para os “tribunais da internet” ao lançar sua linha de máscaras de proteção cobrando salgados R$ 147. O público não reagiu bem ao valor cobrado e decretou o cancelamento.

Afinal de contas, o que é o cancelamento?


O cancelamento é uma espécie de boicote a uma pessoa ou empresa. Quando um cantor é cancelado, por exemplo, as pessoas são incentivadas a não consumirem suas músicas e evitarem “dar palco”, isto é, dar visibilidade para tal artista.

O que pode levar uma marca ao cancelamento?

Como vimos acima, uma empresa pode virar alvo dos “juízes da internet” quando assume posturas controversas, que pode ser através de peças publicitárias que tragam mensagens que não condizem com os valores da sociedade, ou quando manifesta apoio a personalidades polêmicas, não se atenta para a falta de representatividade, ou mesmo presta maus serviços ao consumidor, entre outros motivos.

Sua marca pode ser cancelada?

Olha, sendo sincero, todos estão sujeitos ao cancelamento. Por isso, é importantíssimo rever seus posicionamentos, sua publicidade e ficar atento a qualidade do serviço prestado.

Ser cancelado é ruim, mas também pode ser a sua oportunidade de crescer e melhorar. Então, se isso ocorrer, tente correr atrás do tempo perdido, se reinvente e trate de reconquistar seus fãs.