Qual a diferença entre público-alvo e persona?

por Owl Interativa 7 meses agoSem comentários
Qual a diferença entre público-alvo e persona

Quem está antenado no mundo do marketing já deve ter se deparado com as palavras: personas e público-alvo. Esses dois termos tem recebido maior atenção dentro do meio, justamente pela importância deles, principalmente nas estratégias de marketing digital. Apesar disso, muita gente, pode confundir e achar que público-alvo e persona são as mesmas coisas, o que é um erro. Para acabar de vez com essa confusão, preparamos uma matéria explicando a diferença entre público-alvo e persona.

Público-alvo

Esse conceito é um velho conhecido do marketing. Quem nunca se perguntou qual é o seu público-alvo ao lançar um novo produto no mercado? O motivo por trás da definição do público-alvo é direcionar melhor sua estratégia de lançamento para um público que realmente tem interesse no seu produto.

O público-alvo reúne uma série de informações sobre seus potenciais clientes, como por exemplo: sexo, faixa etária, localização, estado civil, etc.

Persona

A persona é semelhante ao público-alvo, no entanto, ela traça um perfil mais aproximado do seu potencial cliente. A persona é como se fosse um cliente fictício, no qual você se espelha para poder direcionar sua estratégia de venda.

Você não se baseia apenas em dados médios do público. Você cria um perfil de um comprador:  nome, idade, sexo, interesses, valores, dúvidas, problemas, etc.

Qual a diferença entre os dois?

A diferença está justamente na forma como você lida com esses dados. A persona tem sido mais utilizada por ser mais eficaz nas estratégias de marketing, uma vez que ela se aproxima muito mais do seu potencial cliente do que o público-alvo.

O público-alvo acaba sempre sendo amplo demais em sua abordagem e pode falhar em alguns pontos ao considerar apenas o gosto médio do consumidor. Já a persona permite uma consideração maior das individualidades dos clientes, o que auxilia na otimização da comunicação, estratégia de vendas, etc.

Quando você cria uma persona você passa a “pensar como seu cliente” e assim consegue saber como alcança-lo, o que ele espera do seu produto, o que ele espera da sua empresa, etc.

Em resumo

Persona pode ser entendido como um upgrade do público-alvo. As principais informações do seu público-alvo ainda estão lá, mas muito mais detalhadas e na forma de um ou vários personagens com os quais você vai trabalhar a sua estratégia de vendas para alcançá-los.

Categoria:
  OWL Interativa
este post foi compartilhado 0 vezes
 000

Leave a Reply

Your email address will not be published.